Faça sua Pré-Inscrição
Nome:
E-mail:
Telefone:
Mensagem:
Enviar
YogaFlow
Receba nossa Newsletter:
Google+
Instagram
Youtube
Twitter
Facebook

Ahhhhhh o Verão

27/01/2015
Ahhhhhh o Verão
Tudo que se quer nesse momento é sombra e água fresca.
por Cibeleh da Mata


Para alguns sortudos o verão é passado de férias em algum lugar cheio de água e fresquinho, mas para a grande maioria é a hora de lutar contra a prostração e irritabilidade que essa estação proporciona. Indiferente de onde você esteja é hora de hidratar, tranquilizar os ânimos e aproveitar.

No verão os dias são maiores e normalmente atípicos, pois quem aguenta ficar em casa? Como sempre precisamos nos adaptar a cada estação da forma mais saudável possível.

Na ayurveda dizemos que para se ter boa saúde, é necessário um bom agni (fogo digestivo), mas no verão tudo está quente, e aí vem a contradição. Temos de tomar cuidado com o nosso fogo interno que está espalhado pelo corpo todo e não só mais concentrado para nos aquecer e fazer o metabolismo funcionar, ou seja, ele não está com a força total para digerir tudo, e o segredo do sucesso para o verão está literalmente bem aí:
“barriga quente e cuca fresca”.

Pensando nos doshas, cada biótipo reage de forma diferente: os pittas mais irritadiços e com tendência a espinhas, os vatas alegres pelo calor, mas exaustos por não terem mais água no corpo, e os kaphas inchados e pesados.

Nós inchamos principalmente porque o calor desumidifica o organismo e acaba engrossando o sangue deixando-o menos alcalino e mais ácido, e então oxidamos e ficamos mais irritados.

A inteligência do corpo faz uma vasodilatação das veias, ou seja, o corpo precisa favorecer a transpiração e fazer uma troca de calor com o meio-ambiente. Além disso, a vasodilatação ocorre para que a pressão não fique muito alta e então as pernas acabam inchando. No calor, ocorre alteração na pressão arterial, que geralmente fica mais baixa, nos deixando moles. Com isso, consumimos mais sal o que contribui consideravelmente para o organismo reter líquido.

É importante nesse período fazer algum exercício, principalmente àqueles que trabalham sentados. Algumas pequenas pausas no dia, apenas andar até o bebedouro ou um alongamento podem ajudar bastante sua circulação.

Uma boa dica são os esportes aquáticos que ainda dão “aquela refrescada”, e fazer drenagens ou massagens como abhyanga pratiloma também são excelentes pedidas.

Podemos também alterar nosso cardápio, pensando em alimentos fáceis de digerir, que alcalinizem o corpo, hidratantes e nutritivos.

..............................

Os alimentos que devemos ingerir:
Água de coco, frutas, verduras, legumes, cereais integrais, carnes e queijos magros. É importante comer de forma fracionada, com poucas de horas de intervalo e ingerir muito líquido.

Alimentos que devemos evitar:
Frituras, carnes e queijos gordurosos, condimentos fortes, excesso de pimentas, cremes e molhos com base de creme de leite, conservas, embutidos, e maneirar no álcool.

..............................

Para alcalinizar seu organismo a ayurveda recomenda tomar 10 gotas de limão em meio a um copo de água morna todos os dias, em jejum, com pelo menos 15 min. antes de seu café da manhã.

Podemos caprichar em algumas ervas e especiarias que melhoram nosso metabolismo, mas que são refrescantes, como cardamomo, coentro, hortelã e alecrim.

A utilização do gengibre no preparo dos pratos e sucos também é bem visto para dar uma quebra no gelo e ajudar no metabolismo. 

Seguem algumas ideias:
• Fazer sucos frescos e colocar sumo de gengibre (exemplo: melão, melancia, suco verde...).
• Aromatizar a água com ervas que podem ser: manjericão, coentro, alecrim, etc.;
• Limonada com cardamomo.
• Temperar suas saladas com azeite extra virgem e limão.
• Lassi com água de rosas e cardamomo (bater iogurte com água gelada e um pouco de água de rosas, e opcional de açúcar).
• Fazer sucos verdes principalmente usando folhas verdes escuras.
• Macarronada de cenoura e abobrinha:
   Usar um fatiador para fazer os fios.
   O modo de preparo é simples, apenas leve ao fogo com azeite, se quiser use alho porró, orégano, tomatinhos (opcional), sal, refogue tudo, apague o fogo, 
   acrescente manjericão, cheiro verde e está pronto.

• Dar acabamento em suas receitas de salada com algumas castanhas torradas. Já que estamos comendo menos, as castanhas possuem uma boa fonte de nutrição.
• Vegetais gratinados ou refogados.
• Arroz basmati ou jasmim temperado com semente de cominho.
• Usar folhas de coentro em seus feijões no lugar do louro.
• Germinados em geral (pode ser usado na salada, em receitas, ou com um fio de manteiga ou azeite na frigideira).

• Sopas frias
  
   Abacate  - excelente para vatas
  
   2 abacates
   1 limão siciliano (separar raspas e caldo)
   150 ml de leite de coco (aproximadamente)
   1/2 cebola ralada ou picada
   Salsinha picada a gosto
   Sal a gosto
   Pimenta a gosto
   Castanha do Pará a gosto (para decorar)


Modo de fazer: bata no liquidificador todos os ingredientes até que esteja um creme bem uniforme. Se necessário, corrija o tempero e acrescente mais leite de coco. Despeje o creme em taças ou copos pequenos. Decore com castanha do Pará, algumas raspas de limão e sirva.

   Sopa de beterraba (pode ser servida quente ou fria)

   Ingredientes: 3 beterrabas, 1 cebola, alho, 1 tablete de caldo de legumes, massala, 1 pedacinho de gengibre ralado (opcional) e sal.
   Modo de fazer: na panela de pressão, refogue o alho, a cebola; adicione a massala, o gengibre, o caldo de legumes já dissolvido, as beterrabas e o sal;
   tampe e deixe cozinhar.
   Depois de cozido, bata tudo no liquidificador e pronto.

Para servir você pode por uma colheradinha (bem pequena) de creme de leite fresco.

• Chás diuréticos
   
   Chá de cavalinha, cominho, carqueja ou orégano
   Esses chás podem ser feitos e depois levados à geladeira. Você pode usar sua criatividade batendo os chás com suco, como por exemplo: abacaxi com
   hortelã, maçã ou melão.
Rua Dina, 100 - Vila Nova Conceição - (11) 3849 6857
Rua Aspicuelta, 339 - Vila Madalena - (11) 3567 1381/1382
São Paulo/SP | Brasil
www.yogaflow.com.br
Todos os direitos reservados. Desenvolvido por Link e Cérebro